No Sopé da Montanha o Arbusto Verga mas não Quebra

Todas as Descrições são Pecaminosas

segunda-feira, janeiro 21, 2008

Ai, Amor
Palavras eram ditas
Do quanto me amavas
Tão pouco sentidas
Posto que me magoavas

Lindas eram as palavras
Ao estrelato me elevavas
Mas tudo em si contrárias
Logo, logo me desprezavas

Prisioneira das palavras
Confusa em teu olhar
O coração me laceravas

Não haver sentimento,
Jeito era ir a enterrar
E mais tarde ressuscitar.

(Lembranças de alguém
Quem as não têm …)

1 Comments:

  • At 29/1/08, Blogger Professorinha said…

    É difícil chegar a este cantinho... vai sempre dar ao outro... que já há tempos não é actualizado...

    As lembranças todos têm, o que acontece é que alguns escolhem enterrá-las...

    Beijos

     

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home