No Sopé da Montanha o Arbusto Verga mas não Quebra

Todas as Descrições são Pecaminosas

terça-feira, março 20, 2007

Abnegação


Quis um dia encontrar a vida
Deparei-me com o teu viver
Foi percurso porfiado
Nunca questionado

Foram desígnios traçados
Foram sonhos, ilusões
Esperanças, fantasias
Foram esboços de vida

Foram razões de porfia

O Sonho da minha vida
Tua vida, minha vida
Divisas nem por um dia

Foi querer a mais não poder
Foram razões de viver

Teu olhar, meu olhar
Teus sonhos, meu sonhar
Teus receios, meus medos
Teus cansaços, meus fados
Teu sorriso, minhas gargalhadas
Teu choro, minhas lágrimas
Teu desejo, meu desejo
seres um dia, feliz
20/3/07

(Olha a Lua que vai Alta,
Não Desistas, Nunca)

7 Comments:

  • At 21/3/07, Anonymous rosa maria said…

    Teu sentir...um intenso viver...

     
  • At 21/3/07, Blogger as velas ardem ate ao fim said…

    Fico sempre presa as tuas palavras.Não me quero separar...
    bjos

     
  • At 22/3/07, Blogger Conceição Bernardino said…

    Olá,
    Espero que me desculpe forma como faço os meus comentários, mas é pura e verdadeira...
    Para mim não chega, dizer está bonito ou lindo – por isso gosto de deixar pensamentos frases de outros autores como presente da minha gratidão e do meu encanto do que leio, do que observo nas imagens e na escrita.
    É a minha maneira de ser...
    A critica faço-as, da forma como somos tratados pelo Estado que ignora os problemas da nossa sociedade e como pouco ligam aos grandes talentos que encontro nos blogs.
    Peço desculpa e se alguém não gostar da forma como faço os meus comentários agradecia que me dissessem pois tentarei melhorar.
    Sou apenas uma amadora de escrita que escreve pela beleza de sentir na escrita as palavras que me vão na alma e penso que é essa a beleza que encontro naquilo que leio cada um escreve com a sua beleza.
    Não quero com isto desrespeitar ninguém até porque as palavras lindas, bonito têm um grande significado no meu vocabulário.
    Boa semana
    Desculpem-me a repetição do post, mas julgo que nem todos entenderam...

    Esta é a frase que vos deixo: se pudesses estar perto de mim talvez encontrasses a resposta porque te olho, porque choro sem te conhecer. Se um dia te encontrar entregarei o meu sorriso, é nele que escondo tudo aquilo que sinto só para te ver feliz.

    Beijinhos
    Conceição Bernardino
    http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

     
  • At 22/3/07, Blogger Fúria das Águas said…

    Que lindo, amei o poema.
    Um beijo menina
    Furia das aguas

     
  • At 23/3/07, Blogger }}cleopatra{{ said…

    Olá Juvelina!

    Nem sei o que dizer...
    Quiseste um dia encontrar essa alma...
    Serenamente... acompanhar os sentimentos dessa alma. Os sorrisos, as lágrimas, os sonhos,os desejos,o olhar... cada momento... como se de um só ser se tratasse. Talvez uma alma gémea!
    Encontraste?
    Feliz de quem consegue!

    Um beijinho soprado

     
  • At 23/3/07, Blogger Vladimir said…

    nunca desistir, muita persistência...

     
  • At 24/3/07, Blogger rui said…

    Olá Juvelina

    Nem sempre tenha a capacidade para entender o que escreves, mas de uma coisa tenho a certeza, estas palavras soam bem.

    Que tenhas um lindo fim-de-semana
    Beijo

     

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home