No Sopé da Montanha o Arbusto Verga mas não Quebra

Todas as Descrições são Pecaminosas

quinta-feira, maio 03, 2007

Atroz


Atroz é o teu olhar cúmplice
Que o meu entende.
Atroz é o teu modo de ser
sem te comprometer.
Atroz é o som da tua voz
Suave, cândida que seduz
Atroz é a tua mão macia
Que a minha segura.
Atroz são as tuas carícias
Jamais olvidas
Atroz são os teus aconchegos
afagos, de alma inimagináveis
Atroz são teus beijos
Jamais esquecidos

Atroz é a insuportável
ausência de ti, em mim
30/4/07

2 Comments:

  • At 3/5/07, Blogger impulsos said…

    Atroz é a palavra
    Que usas em demasia
    Um grito da alma
    Um canto de poesia

    "Atroz é a insuportável
    ausência de ti, em mim"
    Uma frase tão simples... e tão cheia de significado!

    Beijo num impulso

     
  • At 4/5/07, Blogger ContorNUS said…

    sílabas erguidas na intensidade do sentimento intenso e verdadeiro.Continuação

     

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home