No Sopé da Montanha o Arbusto Verga mas não Quebra

Todas as Descrições são Pecaminosas

quinta-feira, maio 11, 2006

Queria

A lua
O Céu Estrelado
Tua mão na minha mão
Segurar-te, acompanhar-te
Ver o brilho do teu olhar
Ao sentir que em mim confiavas
Que no mesmo barco navegavas


Foste sonho, ilusão
Aqui encontrar um irmão
Companheiro de outras vidas
Já não sou, já não és
Parte de mim, parte de ti
Foste uma tremenda confusão
Com o teu categórico não
Fiquei mais perto do chão

Fosses apenas uma andorinha
Ao menos seria tua prima! ! !

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home